×
|   São João nas redes sociais:

Imprensa

Imprensa

    Rede de Farmácias São João sedia seminário do projeto Inovação em Saúde Pública

    30/03/2022

    Evento realizado pelo programa Inova RS reuniu aproximadamente 250 pessoas de forma híbrida no Auditório do Centro de Distribuição da Rede de Farmácias São João.

     

    Com o objetivo de debater os desafios e as oportunidades no ecossistema regional, Passo Fundo/RS recebeu, na tarde desta segunda-feira (28), a sexta edição da Jornada de Inovação em Saúde. Mais de 40 pessoas estiveram presente no Auditório do Centro de Distribuição da Rede de Farmácias São João e cerca de 200 inscritos acompanharam de forma online. O evento contou com a parceria de agentes públicos e privados, entre eles, a Universidade de Passo Fundo (UPF).

     

    O seminário integrou o projeto “Inovação em Saúde Pública”, que é coordenado pela gestora do UPF Parque, Dra. Teofanes Foresti Girardi. “A Universidade de Passo Fundo atua como um fomentador a partir do ecossistema de Inovação e Parque Tecnológico, conectando todos os atores das áreas da saúde, desenvolvendo novas tecnologias e soluções a partir dos desafios que são trazidos em eventos como esse”, pontuou Teofanes.

     

    Conforme o diretor de Planejamento Estratégico da Rede de Farmácias São João, André Menegazzo, para a Rede foi uma alegria muito grande estar recebendo e prestigiando este evento. “Temos muito orgulho de ter nossa sede em Passo Fundo e o que nos trouxe aqui em 2000 foi justamente a representatividade que a cidade tem em relação a saúde. Somos a empresa que mais possui salas de serviços farmacêuticos do Brasil, sendo mais de 700. Esta ligação entre médicos, instituições de ensino e farmacêuticos, tem como objetivo final o melhor atendimento de saúde para comunidade geral. Parabenizamos o esforço da equipe da UPF pela realização do seminário”.

     

    Para falar da empresa de base tecnológica DonnaSafe, completamente focada nas especialidades clínicas que atendam ao universo feminino, o médico e professor, Dr. Francisco Madalosso de Bittencourt, explicou que "já é possível agendar atendimento online, em poucos cliques. Além disso, proporcionar ao cliente a escolha de quais médicos estão disponíveis para atendê-lo".

     

    Sobre o Centro de Simulação Realística no Ensino de Saúde (CSR) da UPF, o professor e médico, Dr. Vinícius Buaes Dal Maso, informou que por meio da utilização de manequins, robôs, atores e simulação híbrida, é possível inserir o profissional em diferentes ambientes. “Na prática o professor não explica, mas sim é um facilitador entre os acadêmicos, que se interessam pelos casos e depois vão estudar mais sobre os assuntos”.

     

    Conforme o coordenador do Comitê Estratégico Programa Inova RS das regiões Produção e Norte, Eduardo Angonesi Predebon, “desde 2019 o programa busca trazer como motor principal o desenvolvimento do estado gaúcho. Trata-se de um conjunto de demais programas do Governo do Estado. A região da Produção e Norte conta com três gestores de inovação e o objetivo final do programa é que até 2030 o RS seja referência em inovação para todo Brasil”.

     

    A coordenadora setorial da cadeia produtiva da saúde do SEBRAE RS, Ana Paula Rezende, acrescentou que o evento foi uma oportunidade de aproximar a micro e pequena empresa, bem como as startups da área da saúde. “Queremos iniciar na região Norte um aprofundamento ainda maior desse setor, para debatermos o ecossistema da saúde e ver quais ligações podemos trazer, vinculando-nos ao Inova RS e as ações do SEBRAE RS”.

     

    Segundo o médico e diretor corporativo de Recursos Humanos do Hospital São Vicente de Paulo, Dr. Julio César de Bem, “existe um grande movimento, inclusive mundial, de criar ecossistemas de inovação para fortalecer cada região e comunidade”. Tendo em vista que neste ano finaliza-se o plano estratégico do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, a ideia do evento foi debater as contribuições do Projeto Inova RS para a Passo Fundo e região, com o diretor superintendente do Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa- Sociedade Beneficiente Israelita Brasileira Albert Einstein, professor Dr. Med. Luiz Vicente Rizzo. Participando de forma online, Dr. Rizzo enfatizou que “na hora que você aponta os problemas de maneira organizada, pode-se então pensar em quanto é necessário investir financeiramente para solucioná-los”.

     

    De acordo com o diretor da Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI), Campus Erechim, professor Paulo Roberto Giollo, “a universidade também está desenvolvendo a área da saúde na parte da inovação”. A secretária municipal de Saúde de Carazinho, professora Anelise Schell Almeida, reforçou que o evento “trará novos avanços em tecnologia que também é consumida na saúde coletiva como um todo”. Representando o Hospital Cristo Redentor de Marau, Marcelo Borghetti disse que " a inovação está também na capacidade de investimento".

     

    O seminário além de ser realizado presencialmente no Auditório do CD da Rede de Farmácias São João, foi transmitido ao vivo pela página do Facebook da Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia do RS e canal do YouTube do UPF Parque.

    Compartilhe

Galeria de Fotos

Copyright 2022 Farmácias São João. Todos os direitos reservados.